Obra de Eduardo Srur localizada próxima ao Rio Pinheiros amanheceu debaixo d’água

Em junho do ano passado o artista Eduardo Srur inaugurou a obra “Barco sobre um Rio Enterrado”, na margem do rio Pinheiros, em São Paulo, que na manhã de segunda-feira ficou parcialmente submerso pelo transbordamento do rio.

O barco laranja de 8 metros de comprimento fica exposto na ciclovia, próximo à ponte Cidade Jardim, no acesso da passarela do Parque do Povo, onde normalmente circulam centenas de ciclistas diariamente. “Em menos de um ano, a obra instalada na margem do Rio Pinheiros revelou uma realidade que nós, paulistanos, não queremos enxergar: o verdadeiro Rio Pinheiros e suas águas transbordando e tomando conta da cidade que o enterrou com seus afluentes. Lamentavelmente, que a obra chegou no ponto que eu imaginava”, explica Srur.

O Rio Pinheiros é sempre palco de expressão deste artista inquieto e ligado as distorções deste não-lugar na paisagem urbana da cidade mais rica do país. Formado em artes plásticas, ganhou projeção com obras que utilizam do espaço público para chamar a atenção para questões ambientais e para o cotidiano nas metrópoles, sempre com o objetivo de ampliar a presença da arte na sociedade e aproximá-la da vida das pessoas.

%d blogueiros gostam disto: